Revolução 4.0 pode parecer um nome estranho. Mas vamos explicar para você de uma maneira simples. Pense na conversa que você tem com seu familiar que está em outro país por meio de uma vídeo-conferência. Ou aquela vontade de ouvir uma determinada música que, no mesmo momento, o levou a pegar seu smartphone para ouvi-la por streaming. As empresas também seguem esse mesmo caminho de modernização em seus processos.

Revolução 4.0

Bater ponto online, coletar dados de funcionários de forma remota e organizar a folha mensal de pagamento pela nuvem são marcos de que a vida conectada à internet tornou-se um ícone da atualidade. Todas essas facilidades têm impacto diretamente em nossa vida. Especialmente se aliadas ao que ainda está por vir de novidades e inovações disruptivas. Isso faz parte do que está sendo chamado de Revolução 4.0.

A seguir, saiba mais sobre o que é a Revolução 4.0 e porque ela impacta o RH, confira!

Revolução 4.0: a Quarta Revolução Industrial

A Revolução 4.0 também é chamada de Revolução Industrial 4.0. Uma vez que a tecnologia cresceu vertiginosamente nos últimos anos e já é possível controlar toda uma linha de produção por meio de softwares. Esses executam comandos para fazerem as grandes máquinas funcionarem e produzirem mais e com maior precisão.

O caminho é a independência cada vez maior de mão de obra humana para processos meramente repetitivos e operacionais. Mas, isso, na automação industrial. Ainda é e será necessário que pessoas operem os sistemas que controlam essas máquinas. Assim contribuindo de modo mais estratégico e menos operacional para o sucesso das organizações.

A tendência, portanto, será a especialização dos funcionários. Cada vez mais, serão exigidos cursos para aperfeiçoamento profissional. Cursos que vão formar trabalhadores hábeis em operar softwares de gerenciamento de sistemas para máquinas que desenvolverão produtos cada vez mais customizados.

Com isso, serviços de TI, controles de qualidade e operação de sistemas serão cada vez mais requisitados. Trabalhadores que não se qualificarem poderão estar destinados a perder seus empregos. Ou até tornarem-se obsoletos para um mercado tomado pela Revolução 4.0. Ao invés de estarem facilitando suas vidas e se vendo livres de um trabalho braçal, repetitivo e cansativo.

As novas rotinas trazidas pela Revolução 4.0

A crescente automação das indústrias vai requerer mudanças na hora de contratar funcionários, tanto nas demandas sazonais, quanto nas funções permanentes. Todas as exigências da contratação estarão voltadas às habilidades do novo colaborador de interagir com robôs, softwares de comando e máquinas controladas por esses softwares. Além disso, é muito provável que os serviços temporários serão mais voltados a funções de controle de qualidade ou operações de sistemas do que diretamente na produção.

A tendência é de que as cargas horárias sejam mais flexíveis e que cada pessoa consiga trabalhar no horário em que é mais produtiva. Isso eliminaria a necessidade de uma jornada rígida e aumentaria a qualidade de vida das pessoas. Elas teriam mais tempo para o lazer e para passar tempo com amigos e familiares. Aproveitando seus dias e, no fim das contas, produzindo mais, pois estarão mais satisfeitas, engajadas e motivadas.

A contratação, o controle e os pagamentos dos funcionários também serão beneficiados. O setor de RH está sendo (e ainda será) bastante impactado. Uma vez que todas essas ações poderão ser realizadas 100% no ambiente online. Por meio de softwares de controle, a necessidade de permanência dentro de um escritório vai diminuir. Assim, a execução do trabalho de forma remota vai beneficiar os adeptos do home-office, que propicia um autogerenciamento maior e condições favoráveis para um incremento no nível de qualidade de vida das pessoas.

A melhora no rendimento do trabalho proporcionado pela Revolução 4.0 está para o ramo profissional como a facilidade em pagar contas, chamar um táxi e ouvir músicas está para tarefas simples do dia a dia.

Mas já vivemos 100% a revolução 4.0?

Não existe uma previsão para essa Revolução 4.0 chegar com força total em nosso país, mas empresas e funcionários já podem vislumbrar como será o futuro e irem se preparando para o aprimoramento profissional e as mudanças trazidas por essa Quarta Revolução Industrial.

Você já conhecia a Revolução 4.0? Sua empresa já está se preparando para as mudanças tecnológicas que impactarão cada vez mais as organizações? Compartilhe sua mensagem nos comentários!

O que é a Revolução 4.0 e por que ela impacta o RH?
Classificado como:    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *