É sabido que para chegar a algum lugar, se tem que saber para onde está indo, não é mesmo? No entanto, quando o assumo é carreira ainda há muitos profissionais que não têm essa definição clara. Para ajudá-los nisso, existe ajuda profissional. Coaching é o método que busca direcionar as pessoas para o caminho certo nos seus relacionamentos e carreiras.

coaching

Se você está avaliando se este é ou não o momento certo de contar com esse auxílio, veja, a seguir nossas dicas!

A origem do coaching

O método de treinamento conhecido como coaching é praticado por um coach (treinador) e pelo coachee (que é o treinado).

O conceito de coaching, como é conhecido atualmente, surgiu por volta de 1830, na Universidade de Oxford. Era utilizado para definir um tutor particular que ajudava o aluno a se preparar para um determinado exame.

Na década de 1970 nos EUA, o coaching foi desenvolvido a partir dos treinamentos de atletas de alto desempenho que tinham de se preparar cada vez mais intensamente para competir.

O coach tinha como tarefa observar apuradamente quais eram as falhas dos atletas e sugerir como corrigi-las.

Conhecendo o que é coaching

O coaching utiliza técnicas de autoconhecimento. Ele auxília no desenvolvimento de quem busca atingir metas e realizar seus objetivos pessoais e profissionais.

Para isso, são considerados os seguintes aspectos:

  • Saber o que o cliente precisa fazer para alcançar seu objetivo traçado com o auxílio do coach.
  • Saber o que impede o cliente de alcançá-lo.
  • Identificar quais são as ferramentas necessárias e as maneiras disponíveis para que o objetivo seja alcançado.

A partir disso, é elaborado o passo a passo para alcançar o que o coachee deseja.

Tipos de coaching

Há vários tipos de coaching, cada um com características específicas. Entre eles, destacam-se:

Coaching executivo

Tem como intuito contribuir com a identificação de direcionamento da empresa no seu ramo. Características como missão, valores e metas são avaliadas pelo coach nesse tipo de treinamento.

Ele lida, também, com o comportamento dos executivos diante das suas equipes de maneira que o ambiente seja propício para um bom trabalho, para garantir engajamento e produtividade.

Coaching pessoal

É direcionado à percepção e realização de conquistas pessoais, a autorrealização do coachee.

Há uma gama de áreas em que o personal coaching pode trabalhar: relacionamentos, casamento (especialmente para noivas), emagrecimento, saúde, finanças, espiritualidade, carreira, família e muitas outras.

Para auxiliar o coachee, o coach precisa conhecê-lo o máximo que puder. Além disso, para conseguir apontar o que deve ser modificado é necessário que ele conheça o passado do seu cliente. É por meio do conhecimento do comportamento do cliente perante aquilo que ele busca ajuda que se poderão determinar as mudanças para o futuro.

Coaching de desempenho

Objetiva evidenciar as capacidades naturais de clientes que buscam treinamento para melhorar seu desempenho profissional.

É o coaching no qual é percebido que a própria pessoa é responsável por conhecer suas características e usá-las para alcançar os seus objetivos. É ela quem observa suas falhas e, ao identificá-las, procura se desfazer delas.

Mas será mesmo que preciso de coaching?

Os desafios e a rotina profissional do trabalhador de qualquer segmento mudou muito nos últimos anos. Muitos devem conhecer a história de um pai, avó ou tio que ficou 20, 30, 40 anos exercendo uma mesma função em uma mesma empresa.

Hoje, isso já não é tão comum. O mercado de trabalho está bastante dinâmico, novas funções, atividades e tecnologias impactam no planejamento de carreira dos profissionais. Diante disso, é comum sentir-se confuso sobre os próximos passos a seguir.

Mudar de emprego ou buscar uma promoção interna? Empreender ou procurar um cargo de liderança? Qual faculdade ou pós-graduação ajudará mais a alavancar sua carreira?

Questionamentos assim são bastante comuns. Uma pesquisa demonstrou que mais de 80% dos brasileiros querem dar um novo rumo para suas carreiras e avaliam mudar de área de atuação.

Outro estudo aponta os principais motivadores para isso: expectativas desencontradas, interesse em se desenvolver em outras áreas, segmento em declínio, conquistar um sonho…

Não é à toa que a procura por coach aumentou cerca de 400% nos últimos anos. Os profissionais, cada vez mais, buscam significado e realização em sua carreira.

Se é o seu caso e você não tem metas bem definidas, seus objetivos parecem inatingíveis ou você não sabe o que fazer para começar essa jornada, pode ser hora de procurar um coach.

E então, tiramos sua dúvida sobre buscar ou não auxílio no coaching? Você já participou desse processo? Compartilhe suas experiências nos comentários!

Coaching: será que é o momento?
Classificado como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *