O cenário organizacional desperta a necessidade de melhorias constantes. Essa ideia serve tanto para as empresas, quanto para os talentos que desejam se manter fortes e atrativos. E uma das ferramentas que ajudam a realizar esse objetivo é o coaching.

coaching

Nos últimos anos, os donos de negócios perceberam a necessidade de investir em estratégias que empoderem os gestores. Isso ocorre pois eles são multiplicadores dentro da empresa.

Os profissionais sabem que é preciso acompanhar as exigências impostas pelo mercado. As mudanças tecnológicas, a competição acirrada e a importância de reter talentos podem deixar os gestores um pouco inseguros sobre como agir.

Nesse sentido, ao investir em coaching, os gestores se desenvolvem e são capazes de implementar melhorias. E os resultados se espalham, refletindo na produtividade e nos resultados de todos os membros da equipe.

Com as suas habilidades desenvolvidas, os líderes conseguem ditar um ritmo de trabalho que promove a autonomia e a inovação. Além disso, o ambiente organizacional melhora, já que os conflitos são geridos com maior assertividade.

Pensando em tudo isso, no post de hoje, falaremos sobre o coaching e de que forma você pode se aperfeiçoar por meio dele! Acompanhe e conheça os principais benefícios dessa estratégia!

O que é coaching?

O método que é conhecido como coaching parece algo recente, não é mesmo? Na verdade, o conceito surgiu por volta de 1830, na Universidade de Oxford. Naquela época, ele era utilizado para preparar alunos para um exame determinado. Um tutor particular ajudava o estudante a alcançar a aprovação.

Passados alguns anos, o coaching foi adotado na preparação de atletas de alto desempenho, desenvolvendo potenciais e eliminando as suas fraquezas.

Hoje em dia, termos como capital humano, desenvolvimento, habilidades, inovação e mudanças são bastante utilizados no meio organizacional. E sabe de uma coisa? Eles são a base do coaching.

Essa estratégia promove o autoconhecimento, ajuda na superação de metas e na evolução pessoal e profissional.

O coachee define objetivos e então um passo a passo é montado para que ele possa alcançá-los. Durante o processo, a direção correta é apontada e, por meio de técnicas de diversas áreas, mudanças positivas são alcançadas.

O coaching engloba um mix de conhecimentos: gestão de pessoas, planejamento estratégico, psicologia, neurociência, administração – todos esses campos atuam em conjunto para que os resultados sejam obtidos.

Os profissionais que passam por essa imersão de autoconhecimento, superam limitações e aumentam a sua autoconfiança. Dessa forma, o gerenciamento de equipes fica muito mais assertivo, pois os líderes potencializam as suas competências técnicas, emocionais e comportamentais.

Como os gestores podem se beneficiar

Os gestores têm muito a ganhar com o coaching. Os conhecimentos obtidos por meio dessa modalidade de treinamento geram diversos benefícios, que ajudarão os gestores a se tornarem líderes cada vez melhores. Confira alguns deles:

  • Aumento dos índices de produtividade.
  • Desenvolvimento de resiliência e da inteligência emocional.
  • Redução de estresse.
  • Melhoras na performance.
  • Assertividade para gerir conflitos.
  • Foco nos objetivos organizacionais.
  • Evolução pessoal que permite inspirar os colaboradores, ao invés de ser temido.
  • Motivação pessoal.
  • Conhecimento da importância da administração do tempo.
  • Preparação para encarar as mudanças.
  • Foco em tomada de decisão e autonomia.

Saiba como empoderar gestores

O coaching é uma excelente estratégia para empoderar gestores. Mas, para que os resultados desse trabalho sejam disseminados e as melhorias sejam sentidas por todos, é preciso contar com outras ferramentas de apoio.

As empresas devem poupar líderes de tarefas desatualizadas para que o foco e a energia desses profissionais sejam voltados para o engajamento das equipes e o alcance dos objetivos organizacionais.

Uma ferramenta que é bastante conhecida pelos benefícios que proporciona ao ambiente organizacional como um todo é a pesquisa de clima. Ela mede o nível de engajamento dentro da empresa e direciona as ações a serem adotadas, de acordo com os resultados obtidos.

A Vaipe oferece uma funcionalidade na sua ferramenta que permite que os gestores monitorem os resultados dos seus grupos.

Para quem já utiliza o sistema da Vaipe, basta ir até o menu Funcionários e escolher ou criar grupos. Mas atenção: é preciso adicionar no mínimo 3 pessoas por time!

Assim, os gestores passam a saber de que maneira atuar para colocar seus conhecimentos em prática e melhorar o clima, a motivação e a satisfação dos membros da equipe.

O coaching ajuda a desenvolver o autoconhecimento dos profissionais. O desenvolvimento de habilidades dos gestores é fundamental para que a empresa retenha os seus talentos. Um líder que dissemina conhecimento e inspira os colaboradores desperta a sinergia dentro do ambiente organizacional, impulsionando os resultados.

E na sua empresa, os gestores já praticam as técnicas de coaching? Você tem alguma experiência sobre a forma como essa ferramenta beneficia profissionais? Deixe um comentário!

Coaching: o que você precisa saber
Classificado como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *