Políticas alternativas para feriados

Vamos descobrir as novas possíveis políticas para feriados? Não importa o porte ou a área de atuação, todas as empresas possuem uma cultura organizacional que pode estar instituída ou não.

Para que o relacionamento entre colaboradores e empresa flua na melhor sintonia, é preciso que a comunicação seja direta e que as normas e procedimentos adotados sejam de conhecimento de todos.

Nada mais natural do que novos colaboradores serem contratados e algumas dúvidas começarem a pipocar. Será que preciso usar traje social? Será que eles topam que eu faça home office? Em meio a tantas questões, uma se destaca: será que aqui têm políticas alternativas para feriados? Afinal, quem não gosta de ter uma folguinha e poder se programar para melhor aproveitá-la?

Pensando nisso, no post de hoje, falaremos a respeito de políticas alternativas para feriados. Confira o que preparamos e saiba como aplicar essa cultura no seu negócio!

políticas alternativas para feriados

A troca de feriados é permitida por lei?

Algumas empresas já instituíram em sua cultura a troca de feriados. Isso significa, por exemplo, que é proposto para um colaborador trabalhar em um feriado e folgar em outro dia.

A reforma trabalhista dá um empurrãozinho para aqueles empregadores que sempre desejaram colocar isso em prática. A nova lei estabelece que a troca do dia de feriado pode ser feita por meio do acordo coletivo de trabalho. Ou seja, você pode flexibilizar o trabalho em feriados e a sua respectiva concessão de folgas.

Quais os benefícios das políticas alternativas para feriados?

Os feriados são datas específicas para comemoração de fatos ou acontecimentos culturais, históricos e sociais relevantes para grupos. A teoria é muito bonita, não é mesmo? Mas, e quanto à prática? Será que uma data relevante para um membro da equipe é igualmente relevante para os demais?

Com o crescimento das organizações, é natural que o número de colaboradores aumente. E, com isso, a diversidade. Isso quer dizer que as crenças e os estilos de vida não são universais. E empresas que estão humanamente conectadas e que valorizam os seus times já estão tomando providências. Esse é o caso da Spotify, que decidiu rever e desafiar as tradicionais normas culturais para ser mais inclusiva e valorizar suas equipes. Por meio de uma campanha intitulada No matter what you believe in, we believe in you (Não importa no que você acredita, nós acreditamos em você), a empresa instituiu políticas alternativas para feriados. Assim, cada colaborador pode folgar nas datas que são realmente importantes.

Se você ainda está se questionando a respeito dos benefícios de oferecer políticas alternativas para feriados, vamos a um exercício. Imagine a seguinte situação: um colaborador de origem judaica vendo seus amigos e parentes planejando uma celebração para um dos feriados, mas ele não pode fazer o mesmo, pois vai trabalhar nesse dia, afinal, não é um feriado reconhecido por todos. Como será que ele irá trabalhar nesse dia? Provavelmente, chateado e se sentindo incompreendido.

As políticas alternativas para feriados ajudam a motivar pessoas. Repensando as datas para atender diferentes grupos, a sua empresa estará fazendo com que todos se sintam incluídos e atendidos.

Além disso, essa prática pode ser bastante produtiva em outras situações. Por exemplo, se uma equipe não tem contato com o público, é possível propor para que os colaboradores trabalhem no feriado e folguem em um outro dia mais conveniente.

Como aplicar essa cultura no seu negócio?

Na sua empresa podem não haver políticas alternativas para feriados já instituídas. Mas, muito provavelmente, você já concedeu folgas para um time enquanto outros colaboradores precisaram trabalhar, não é mesmo?

Nesses casos, os colaboradores não entendem o motivo pelo qual alguns colegas podem folgar, enquanto outros são convocados. E isso pode causar desmotivação, se não for bem explicado.

O fato é que em algumas ocasiões como, por exemplo, fim de ano, o time comercial não precisa trabalhar, mas o time de desenvolvimento precisa em virtude das demandas e não de preferências pessoais, como alguns podem pensar.

Para que essa cultura seja bem aceita e dê super certo na sua empresa é preciso ser bastante transparente e acessível. Além disso, as combinações devem ser sempre feitas mediante acordos para que ninguém se sinta prejudicado.

Para ter sucesso, uma boa dica é investir no Mapa de Colaboradores Influenciadores. Por meio dele, você pode obter ajuda e apoio de colaboradores especiais que ajudarão na disseminação das vantagens das políticas alternativas para feriados.

As empresas que desejam prosperar e reter equipes de alta performance precisam ficar cada vez mais atentas ao seu capital humano. Os membros das equipes dão o seu melhor quando percebem que a empresa se dedica a oferecer boas condições de trabalho e que, de fato, fazem a diferença.

Estabelecer políticas alternativas para feriados é uma excelente maneira de valorizar os colaboradores. Além disso, essa flexibilização pode gerar, inclusive, uma economia nos dias em que a empresa trabalhar com o efetivo reduzido. Assim, todos saem ganhando!

E na sua empresa, já existem políticas alternativas para feriados? Você acredita que é possível adotar essa cultura no seu negócio? Deixe um comentário!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Begin typing your search term above and press enter to search. Press ESC to cancel.

Voltar ao topo