Saúde Mental nas Organizações: análise das semanas 1 a 7

Empoderar organizações e lideranças com dados para tomarem decisões assertivas de Gente & Gestão é o que norteia a Vaipe desde o início. Por isso, nós nos unimos com a HSM, o Grupo Kronberg e a Vittude para apoiar organizações e lideranças a darem voz aos colaboradores, acompanhar e acolher os times nesse cenário de incertezas. Sendo assim, desde 30 de março de 2020, a Vaipe monitora a saúde mental nas organizações através da pesquisa pulse saúde mental desenvolvida em parceria com a Vittude. Nesse artigo você vai encontrar os principais insights retirados dessa pesquisa realizada com mais de 150 empresas. Acompanhe a seguir!

saúde mental nas organizações

Conheça a Pesquisa Pulse Saúde Mental

A Pesquisa Pulse Saúde Mental foi construída em parceria com a Vittude, com base no questionário DASS-21 (Depression, Anxiety and Stress Scale). Além disso, o questionário completo contém 21 perguntas que medem a ansiedade, depressão e estresse a partir de comportamentos e sensações experimentados nos últimos 7 dias. Contudo, para as perguntas da Pesquisa Pulse Saúde Mental foram selecionadas apenas as questões relacionadas ao estresse e ansiedade.

Dessa forma, a pesquisa pulse tem como intuito te ajudar no monitoramento e acompanhamento dos níveis de estresse e ansiedade da sua equipe durante a quarentena. Isso porque, devido ao isolamento social, a previsão é de que teremos impactos profundos na saúde física e mental do nossos colaboradores. Dessa forma, através de afirmações sobre emoções como nervosismo, ansiedade e esgotamento (burnout), você consegue mensurar como está a saúde mental do seu time.

Além disso, vale ressaltar que o questionário é apenas um objeto de informação, para um diagnóstico individual é necessário buscar a ajuda de um profissional da saúde qualificado como psicólogos e psiquiatras.

Saúde Mental nas Organizações: nível de estresse

Analisando os dados de saúde mental nas organizações, descobriu-se que há um tendência de crescimento no nível de estresse. Em resumo, os resultados apontam que na média as organizações se encaixam na faixa de estresse normal. Entretanto, o nível de estresse tem crescido semanalmente, indo de 5% na primeira semana para 10% na segunda semana de quarentena. Ademais, se considerarmos o crescimento da terceira semana para a primeira, temos um aumento de 15,5%.

Ainda que as empresas estejam numa faixa de estresse normal, a análise de composição individual dos respondentes mostra que já na primeira semana 20% dos colaboradores se encaixavam em algum nível de estresse entre suave e extremamente severo. Dessa forma, ao analisar a distribuição individual dos respondentes de acordo com a faixa de nível de estresse, na semana 1, 80% dos colaboradores estavam com estresse normal. Contudo, ao longo das semanas o nível de estresse foi se intensificando, até que na semana 7 a porcentagem de colaboradores com estresse normal caiu para 72%.

Por fim, houve uma intensificação ao longo das semanas de pessoas com nível de estresse entre moderado e extremamente severo: inicialmente eram 8% e passaram a ser 18% na semana 7.

Principais Causas do Estresse nas Organizações

Com o intuito de dar voz aos colaboradores, todas as perguntas da pulse saúde mental possuem espaço para comentários. Desse modo, os profissionais de Gente & Gestão têm uma visão assertiva sobre o que está afetando a saúde mental nas organizações. Assim, como forma de ter uma análise completa sobre o estresse nas empresas, a Vaipe compilou as principais causas do estresse baseadas nos +2.000 comentários da pulse saúde mental.

De acordo com os comentários da pulse saúde mental, entre as principais causas do estresse nas empresas estão:

  • Ansiedade – pessoas que já sofriam com transtornos psicológicos, como ansiedade e Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), começaram a ter crises por causa do isolamento social.
  • Trabalho remoto – colaboradores que não estavam habituados a trabalhar remotamente tiveram dificuldades para se desligar do trabalho e tiveram que lidar com o microgerenciamento por parte da gestão. Além disso, quando possuem filhos, as pessoas também precisam se dividir entre o trabalho e o cuidado com as crianças.
  • Excesso de informação – as notícias negativas sobre casos de COVID-19, a instabilidade econômica e as incertezas sobre o que irá acontecer no futuro afetam significativamente na saúde mental dos colaboradores.
  • Medo de contrair o COVID-19 – por ser uma doença altamente contagiosa, os colaboradores relatam anseios sobre a doença: medo da própria pessoa, amigos ou familiares contraírem o COVID-19.

Entretanto, os colaboradores também compartilharam boas práticas para lidar com o estresse. Entre elas estão a prática de exercícios físicos, meditação, técnicas de respiração, ouvir música, assistir séries e filmes, conversar com amigos e familiares e acima de tudo: ter o apoio da gestão e do RH nesse momento.

Saúde Mental nas Organizações: nível de ansiedade

As 7 afirmações sobre ansiedade da pulse de saúde mental começaram a ser feitas na semana 5 da #QuarentenaVaipe. Os resultados mostram que nas semanas analisadas, o nível de ansiedade das organizações está normal. Na semana 5, 40% das pessoas estavam na faixa entre ansiedade suave e extremamente severa. Diferente do nível de estresse que se intensificou ao longo das semanas, a ansiedade teve uma melhora. Ou seja, mais pessoas passaram para a faixa de ansiedade normal ao longo das semanas.

Principais Causas da Ansiedade nas Organizações

Ainda que o nível de ansiedade nas organizações esteja normal, diversos colaboradores relataram seus anseios nos comentários das perguntas sobre ansiedade. Por isso, confira a seguir as principais causas da ansiedade nas empresas:

  • Medo de contrair o COVID-19 – assim como nas perguntas sobre estresse, os colaboradores relatam o medo de algum membro da família contraia o COVID-19. Houveram também comentários de colaboradores que perderam amigos ou familiares para o COVID-19.
  • Excesso de informação – o excesso de informações negativas nas mídias e as incertezas geradas pela situação econômica do país têm preocupado os colaboradores.

Ademais, os colaboradores ressaltaram a importância do apoio da empresa nesse momento através de conversas com líderes, RH, happy hour e momentos de descompressão.

Pesquisas Pulse #QuarentenaVaipe

Com o propósito de te ajudar, nós criamos as Pesquisas Pulse #QuarentenaVaipe sobre COVID-19, Home Office, Saúde Mental e Novo Normal. Desse modo, você vai poder monitorar o seu time nas quatro fases da quarentena:

  • Fase 1: mudanças drásticas no cotidiano das organizações, que tiveram que migrar os times para home office. E, quando adotar o home office não era uma opção, tiveram que repensar as práticas de higienização dos ambientes. Para esse estágio, indicamos a aplicação da Pesquisa Pulse em Resposta ao Plano COVID-19.
  • Fase 2: garantir que a produtividade, comunicação e os rituais estão sendo mantidos durante a quarentena para quem está de home office. Nesse caso, a ação mais indicada é aplicar a Pesquisa Pulse sobre Home Office.
  • Fase 3: preocupação com a saúde mental dos colaboradores, que depois de certo tempo de isolamento tende a ser prejudicada. Nessa situação, a ação indicada é aplicar a Pesquisa Pulse sobre Saúde Mental.
  • Fase 4: incertezas sobre como será o novo normal nas organizações. Nesse caso, recomendamos a Pesquisa Pulse Novo Normal, que te ajuda a descobrir a visão dos colaboradores numa possível volta ao escritório.

Logo após enviar a pesquisa para os colaboradores da sua empresa, você terá acesso aos resultados em tempo real. Assim, fica mais fácil para tomar decisões rápidas e assertivas.

Grupo no WhatsApp #QuarentenaVaipe

Com a finalidade de conectar pessoas e compartilhar ações para ajudar todos que estão suportando empresas, gestores, gestoras e times a enfrentar os desafios impostos pelo COVID-19, nós criamos o Grupo #QuarentenaVaipe no WhatsApp. Dessa forma, você poderá se juntar com quem está no front tomando decisões que impactam pessoas. Assim, para participar do nosso Grupo no WhatsApp basta clicar aqui.

(Visualizado 60 vezes, 1 visualizações hoje)
Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Begin typing your search term above and press enter to search. Press ESC to cancel.